GLOSSÁRIO

Bebop. Estilo de Jazz rápido e complexo inventado por Charlie Parker e Dizzy Gillespie
Big Band Grande formação constituida geralmente por 5 saxofones, 4 trompetes,4 trombones e secção rítmica [com ou sem cantor(a)]

 

Blues Estilo musical vocal e instrumental que evoluiu dos espirituais, cânticos e canções de trabalho e que serviu de baser para o aparecimento do Jazz;sentimento de tristeza associado a uma canção

 

Cool Estilo de Jazz calmo e relaxado inventado pelos músicos brancos da costa Oeste dos Estados Unidos nos anos 40

 

Cotton Club

Famoso clube de Nova York onde tocava Duke Ellington

 

Dixieland Estilo de Jazz originário de New Orleans entre 1910 e 1920 em que se cmisturavam elementos das marchas militares, das danças de quadrilha,e dos blues e em que habitualmente, todos os músicos improvisam ao mesmo tempo.

 

Free Jazz Estilo de Jazz experimentalista  em que todos os elementos musicais (melodia, harmonia, forma e ritmo) são  improvisados.

 

Hard Bop Estilo de Jazz posterior ao bebop ainda mais ousado harmónica e ritmicamente

 

Jam session sessão informal e sem ensaios entre músicos de Jazz
Naipe conjunto de instrumentos da mesma família (ex: naipe de saxofones, naipe de trombones...)
New Orleans cidade onde nasceu o Jazz

 

Ostinato

Ritmo repetitivo que pode servir de base a um improviso

 

Ragtime Tipo de música surgida no fim do Século XIX no Sul dos Estados Unidos que é a versão negra, muito sincopada, da música pianística europeia de salão

 

Rua 52

Rua de Nova York repleta de clubes de Jazz onde se desenvolveu o Bebop.

 

Secção rítmica conjunto de instrumentos-base dum grupo de Jazz geralmente piano,baixo e bateria (ou guitarra)

 

Solo parte musical inventada na altura pelo músico (solista)

 

Standard canção do repertório habitual do Jazz
Swing estilo de música tocada nos anos 30; sensação rítmica criada pela forma descontraida de tocar .

 

Tema melodia que servirá de "assunto" ao solo improvisado